Remodal

Responsive, lightweight, fast, synchronized with CSS animations, fully customizable modal window plugin with declarative configuration and hash tracking.


2ª Via de Boleto
Antes de efetuar o pagamento do boleto, verifique se no campo código de barras, consta os seguintes números, conforme o exemplo abaixo:
Simule e solicite
Escolha a maneira que você quer simular o seu consórcio
Digite o valor do crédito pretendido:
de
R$
até
R$
Notícias
13
NOV
Consórcio é bom?

O brasileiro não tem o hábito de poupar para conseguir um produto ou serviço. Ele tem o hábito de financiar.

O preço desse vício cultural tem nome: juros. Paga duas, três vezes o valor para ter a mesma coisa.

O brasileiro não entende muito disso. Para ele 2%, 3% ao mês não representa nada.

Mal sabe ele que 3% ao mês em 5 anos representa absurdos 490%. Aliás, quem sabe bem disso são as financeiras que, ano a ano, batem recordes de lucros.

Pois uma forma boa de poupar é fazer um consórcio . Diferentemente da caderneta de poupança, cujo dinheiro pode ser sacado a qualquer hora, por trás de um consórcio sempre há um objetivo definido e um prazo máximo de poupança, e isso nos disciplina a guardar mensalmente um pouquinho de nossa renda. A união do dinheiro dos consorciados, a poupança em grupo, permite que cada um tenha dinheiro para pagar, à vista, menos por algo que muito desejou.

Outra vantagem do consórcio é a taxa de administração baixa, cobrada só para o seu funcionamento e não com o objetivo de lucro.

Por fim, não há imposto, assim como na caderneta de poupança e na previdência privada na fase de acumulação.

No consórcio , a disponibilidade do dinheiro não é imediata, a não ser que você tenha a sorte de ser contemplado logo no primeiro mês. Mas a economia pode valer a espera!

Seja para comprar um carro, um imóvel, planejar a aposentadoria ou a faculdade em um plano de previdência privada, todos são bons se a instituição administradora for sólida e confiável.

Para quem estranhou a previdência privada no rol de consórcios, não se espante. Previdência privada em fundo de pensão se assemelha a um consórcio , pois não tem finalidade lucrativa. Os investidores ou poupadores custeiam a administração, mas a rentabilidade do investimento dos recursos vai integralmente para a conta de cada consorciado.

 

Fonte:

** ABAC - Associação Brasileira de Administradoras de Consórcios